Zanin vota pela condenação de mais seis réus pelos atos do 8 de Janeiro

Penas podem variar de 11 a 15 anos de prisão, além de pagamento de multa em conjunto com os outros condenados avaliada em R$30 milhões

  • Por Henrique Rabadan
  • 04/11/2023 12:38
Zanin vota pela condenação de mais seis réus pelos atos do 8 de Janeiro Ministro do Supremo Tribunal Federal, Cristiano Zanin Pedro França/Agência Senado
Crédito: Pedro França/Agência Senado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cristiano Zanin, votou na sexta-feira, 3, pela condenação de mais seis pessoas que estiveram presentes nos atos do 8 de Janeiro. Os réus são Fabricio de Moura Gomes, Eduardo Zeferino Englert, Moises dos Anjos, Jorginho Cardoso de Azevedo, Rosana Maciel Gomes e Osmar Hilbrand. O voto de Zanin fechou um placar de 2 votos a 0 pela condenação do grupo que, pela sugestão do ministro, terão as penas avaliadas entre 11 a 15 anos de prisão. A definição do tempo de condenação dos réus será realizada no dia de 7 novembro, por meio de uma plenária virtual. Além da pena, caso eles sejam condenados também deverão pagar cerca de R$30 milhões em conjunto com todos os outros investigados, por depredação do patrimônio público. Eles são acusados de associação criminosa armada, abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de estado e dano qualificado. Até agora, o STF já condenou 20 réus pelos atos do 8 de Janeiro, em razão da depredação da sede do STF, do Congresso e do Planalto.